Dietistas reclamam alteração dos estatutos da Ordem dos Nutr

Sub Fórum destinado à colocação de notícias relacionadas com a área da Saúde e com as Tecnologias da Saúde em particular.

Dietistas reclamam alteração dos estatutos da Ordem dos Nutr

Mensagempor Marlene Brandão em Terça, 14 Jan 2014 16:40

Dietistas reclamam alteração dos estatutos da Ordem dos Nutricionistas

A Associação Portuguesa dos Dietistas (APD) e 637 dietistas, estudantes e licenciados em dietética e em dietética e nutrição, apresentaram esta segunda-feira na Assembleia da República uma petição reclamando a alteração dos Estatutos da Ordem dos Nutricionistas, à qual pertencem.

Com efeito, os registos dos hospitais nacionais revelam que a categoria profissional dos dietistas remonta, pelo menos, à década de 30. Esta segunda-feira, os dietistas representam cerca de 70% dos profissionais da área da dietética e nutrição nos hospitais do Serviço Nacional de Saúde.

Todavia, desde a criação da Ordem dos Nutricionistas - e na ausência de uma qualquer norma de onde resulte a definição do ato próprio da profissão - que a referência a “nutricionistas e dietistas” ao longo dos respectivos Estatutos tem vindo a ser abusivamente utilizada, designadamente pela própria Ordem, como fonte justificativa de um tratamento privilegiado dos nutricionistas em face dos dietistas.

A verdade é que o conteúdo funcional dos dietistas e dos nutricionistas é precisamente o mesmo, estando ambos classificados sob o mesmo código quer na classificação nacional de profissões quer na “International Standard Classification of Occupations (ISCO)”, da Organização Internacional do Trabalho (OIT), onde os conceitos de “Dietitians” e de “Nutritionists” são apresentados com o mesmo número classificativo (3223), e com o mesmo conteúdo profissional.

De resto, dispõem ambos de formação superior, com um plano curricular em tudo idêntico e com 240 ECTs.

Acresce que a European Federation of the Association of Dietitians (EFAD) estudou os quesitos dos cursos de dietética e de dietética e nutrição em termos de formação, conhecimentos, capacidades e competências a adquirir para que os licenciados possam ser reconhecidos internacionalmente como dietistas.

A discriminação negativa dos dietistas em face dos nutricionistas viola, de um modo insuportável, o seu Direito ao Trabalho e, pese embora todo o investimento pessoal e económico realizado, frustra as expectativas profissionais dos estudantes e recém-licenciados em dietética e em dietética e nutrição.

A APD e os demais 637 peticionários pretendem que os Estatutos da Ordem reconheçam, com clareza, o seu estatuto profissional e, por essa via, protejam os seus direitos contra quaisquer tentativas de discriminação dos dietistas face aos nutricionistas, por entidades públicas e privadas.


In: RCM Pharma
Avatar do utilizador
Marlene Brandão
Administrador
 
Mensagens: 7765
Idade: 34
Registado: Quarta, 19 Out 2005 22:47
Localização: HR Hospitalar
Sexo: Feminino
Área TDT: Radiologia

Re: Dietistas reclamam alteração dos estatutos da Ordem dos Nutr

Mensagempor fefo em Quarta, 15 Jan 2014 13:09

Mas porque foi criada a Ordem se os problemas de base persistem? Há coisas neste país que não se percebem...
Avatar do utilizador
fefo
Membro
 
Mensagens: 117
Idade: 29
Registado: Sexta, 01 Ago 2008 15:28
Sexo: Masculino
Área TDT: Análises Clínicas


Voltar para NOTÍCIAS

Quem está ligado

Utilizadores a navegar neste fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante